INICIANDO UM PROJETO

2 pages
37 views
of 2
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Share
Description
INICIANDO UM PROJETO
Tags
Transcript
  O primeiro passo para se pensar em escrever um pré-projeto ou projeto de pesquisa é definir o seu objeto de estudo. Objeto de estudo é o foco, o eixo central de sua investigação: não é o assunto, mas o quê dentro de um assunto geralmente vasto lhe chama atenção. Sem definir objeto de estudo todo trabalho de pesquisa resulta em confusão e perda de tempo. Ante a pergunta, o que você quer pesquisar, muitos respondem: quero entender ou quantificar isso ou aquilo. Pois bem: a resposta não é essa porque quando você diz querer entender ou quantificar isso ou aquilo está falando do seu possível objetivo de pesquisa. Outros responderão: quero pesquisar o lixo industrial.Isto também não é resposta porque LIXO INDUSTRIAL é o assunto, o tema de sua pesquisa. Quando o aluno me diz querer pesquisar o LIXO INDUSTRIAL, lhe pergunto: o que você quer com o assunto LIXO INDUSTRIAL? E, então, ao pensar sobre esse assunto, o aluno deverá descobrir um eixo de preocupações ou de lacunas sobre assunto ou tema tão vasto. Tenha em mente a imagem de um funil.O aconselhamento metodológico é para a escolha de um assunto pelo qual tenhamos algum conhecimento prévio, evitando começar de um zero absoluto. Um assunto já conhecido dá segurança no caminho a ser percorrido e oferece possível indicação sobre aquelas preocupações ou lacunas ainda existentes quanto ao mesmo. Em nosso exemplo do tema LIXO INDUSTRIAL, o aluno poderá refletir mais e indagará para si mesmo: quero saber sobre o que é feito com o lixo industrial. E a pergunta seguinte: qual o tipo de lixo industrial? É a primeira pergunta delimitante. De onde? Da indústria X é a segunda pergunta delimitante. De qual cidade? É a terceira delimitação. Em qual período? É a quarta pergunta delimitadora. Essas quatro últimas perguntas fazem parte do que se chama DELIMITAÇÃO DO OBJETO DE PESQUISA. E qual é o objeto de pesquisa, nesse caso? Destinação do Lixo Industrial é uma possível resposta; Produção do Lixo Industrial é outra possível resposta; Reciclagem do Lixo Industrial é mais uma outra possível resposta. Para uma monografia é aconselhável escolher um só item: destinação, produção ou reciclagem; nma dissertação duas seriam mais que suficientes; para uma tese poder-se-ia pensar em produção, destinação e reciclagem. O entusiasmo deve ser centrado em um item apenas para que o projeto e a pesquisa sejam viáveis:  não ir ao pote com muita sede   ainda é a dica da sabedoria popular. Em nosso exemplo escolhemos o objeto de estudo e esse é o primeiro passo; delimitação desse objeto é o segundo passo. O que você quer com esse objeto é o terceiro passo: a resposta é o seu objetivo de pesquisa. Objetivo não é ideal; é o que você vai fazer concretamente num prazo delimitado.   Escolher objetivos é exercício verbal: objetivos vêm na forma de verbo no infinitivo e tais verbos devem ser de ação: identificar, enumerar, compreender, analisar, conhecer, comparar... Verbos que indiquem ideais não constituem objetivo: promover, ajudar, resolver, melhorar, contribuir... Nada disso é possível fazer numa pesquisa científica: são ideais e não objetivos de pesquisa. Os verbos de ideais apontam para as relevâncias e as justificativas de seu pré-projeto ou projeto e não para os objetivos do mesmo. OBJETO DE ESTUDO, DELIMITAÇÃO DO OBJETO, OBJETIVO, RELEVÂNCIAS E JUSTIFICATIVAS são os cinco primeiros passos para se pensar um pré-projeto ou projeto de pesquisa científica. O próximo passo é a escolha do método (qual o caminho a ser percorrido); em seguida, as técnicas de pesquisa (como percorrerá esse caminho). Técnica não é método: é o modo como vofará o seu caminho metodológico. Após o método e as técnicas, vêm o cronograma e o orçamento do pré-projeto ou projeto. E a maior dica: não pense nada sem escrever.ESCREVA TUDO; de preferência com lápis, com borracha e muitas folhas. DEIXE A DIGITAÇÃO PARA DEPOIS: enquanto escreve sua mente está se exercitando para fazer ou descobrir o melhor. Leia, releia, discuta com o professor-orientador, apague, reescreva até que as simples (e complexas) perguntas iniciais sejam respondidas.
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks